Notícias
PRAÇA TOLEDO BARROS
Encontro de Bandas de Coreto e Marciais será no domingo
26/07/2018 | 11h58
Encontro de Bandas de Coreto e Marciais será no domingo

O coreto da Praça Toledo Barros recebe neste domingo (29), das 9h às 13h, o Encontro de Bandas de Coreto e Bandas Marciais 2018 que reúne a Banda Marcial da APAE de Limeira, Banda Marcial do CAMPL - Patrulheiros, Corporação Musical Arthur Giambelli e Corporação Musical Henrique Marques. A realização é da Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura. 
O objetivo do evento é permitir a exposição do trabalho das bandas e fomentar o intercâmbio de técnicas e repertórios entre os grupos, com espetáculos e cultura para a população limeirense. Nesta edição, cada selecionado recebe a ajuda de custo no valor de R$ 2 mil. Conheça mais sobre cada grupo:

BANDA MARCIAL DA APAE DE LIMEIRA
Criada em 2001, utiliza a arte da música para fortalecer os conceitos de inclusão. Promove o acesso e ampliação à cultura para as pessoas com deficiência intelectual e múltipla, para as famílias e comunidade, rompendo paradigmas acerca das diferenças. A atividade musical favorece a comunicação, expressão, interpretação e improvisação. A banda propõe arranjos, improvisações e composições dos próprios alunos baseadas nos elementos da linguagem musical e atividades que valorizam o processo artístico pessoal. O Projeto se utiliza da prática musical para auxiliar no desenvolvimento de pessoas com deficiência nos aspectos físicos, mentais e social.

BANDA MARCIAL DO CAMPL – PATRULHEIROS
Em 2004, a entidade criou o projeto “Musicando”. O objetivo é desenvolver o talento musical, ética e cidadania nos adolescentes, por meio da ação cultural. Em junção com o conhecimento teórico e prático, os adolescentes inseridos no programa se tornam pessoas mais responsáveis, disciplinados, tolerantes, compromissados, ampliam o círculo de amizades. Também adquirem crescimento contínuo na formação de um ser humano aprimorado e obtém uma ocupação sadia, contribuindo assim para o afastamento de fatores de risco social. A banda Marcial possui instrumentos de metais (sopro) e percussão. É referência na área musical de Limeira e região, apresentando-se de forma gratuita em diversos eventos. A banda tem como regente e professor de percussão Ronaldo Domingos, professor de metais Moisés Junior, coreografa Márcia Dettemer e a coordenadora do projeto Helen Araújo.
 

CORPORAÇÃO MUSICAL ARTHUR GIAMBELLI
Fundada em 1932, a Corporação Musical Arthur Giambelli, a Embaixatriz Sonora de Limeira, é composta por 50 integrantes entre músicos, equipe de apoio e maestro. Seu objetivo é levar música de qualidade a todos. A Embaixatriz orgulha-se em ser uma banda genuinamente Limeirense que garante aos jovens músicos a oportunidade de fazer parte dela, garantindo assim que possam desfrutar da arte que se dedicam. A Corporação Musical Arthur Giambelli se apresenta aos domingos na Praça Toledo Barros e participa de projetos elaborados junto a Secretaria de Cultura de Limeira.

BANDA HENRIQUE MARQUES
A banda tocou em público pela primeira vez em 1860 em algumas ruas da região central de Limeira. Seu primeiro nome era banda Lyra D'Oeste, comandada por José Luiz Marques, um afrodescendente batalhador das causas abolicionistas. Com a morte do maestro, em 1892, seu filho, o músico Henrique Marques, passou a substitui-lo como regente do grupo e o grupo passou a ser chamado de Corporação Musical Henrique Marques, como é conhecida até hoje. Destaque para o primeiro lugar no 1º Centenário de Santos Dumont, realizado na Praça da República, em São Paulo. A banda gravou cinco LPs e um compacto. Em 1970, a corporação criou uma escola de música que mantém até hoje, comandada pelo maestro Mauro Gonçalves Cerdeira. Ao completar 150 anos, a corporação mantém suas tradições, entre as quais as apresentações no coreto e a execução de ritmos antigos, como os dobrados.

Notícias recomendadas para você
BUSCAR NOTÍCIAS